Bem vindo(a)! Você pode filtrar informações específicas da sede mais próxima de você, através da caixa à direita:

Meu Destino – Cora Coralina

Nova Acrópole / Poemas e Contos / Meu Destino – Cora Coralina
Categoria:
Meu Destino – Cora Coralina

Nas palmas de tuas mãos
leio as linhas da minha vida.

Linhas cruzadas, sinuosas,
interferindo no teu destino.

Não te procurei, não me procurastes –
íamos sozinhos por estradas diferentes.

Indiferentes, cruzamos
Passavas com o fardo da vida…

Corri ao teu encontro.
Sorri. Falamos.

Esse dia foi marcado
com a pedra branca da cabeça de um peixe.

E, desde então, caminhamos
juntos pela vida…

 

Meu Destino – Cora Coralina

Nota Biográfica

Ana Lins dos Guimarães Peixoto Bretas, mais conhecida como Cora Coralina, poetisa e contista brasileira, que nasceu em Goiás no dia 20 de agosto de 1889. Começou a escrever aos 14 anos, e teve uma de suas obras públicas no jornal em 1908. Apesar da vocação para a escrita, trabalhou por muitos anos vendendo doces para sustentar a família. E, somente em 1965, teve o seu primeiro livro publicado, intitulado "O Poema dos Becos de Goiás e Estórias Mais".

 

Se alguma das imagens usadas neste artigo violar direitos autorais, favor entrar em contato conosco.