Bem vindo(a)! Você pode filtrar informações específicas da sede mais próxima de você, através da caixa à direita:

Invenções com história – O barômetro

Nova Acrópole / Artigos / Invenções com história – O barômetro
Categoria:

Este é um instrumento para medir a pressão atmosférica, ou seja, a força por unidade de superfície, exercida pelo peso da atmosfera.

O peso do ar exerce sobre a terra uma pressão que é chamada de “pressão atmosférica”.

Este fenômeno foi descoberto pelo italiano Evangelista Torricelli.

Inventou um tubo chamado “Tubo de Torricelli” ou Barômetro (do grego “baros“: peso de, e “metron“: medida), que servia para medir a pressão atmosférica.

Torricelli nasceu em Faenza, em 15 de outubro de 1608. Aos dezenove anos, em 1627, iniciou seus estudos na Universidade de Roma, na qual, anos mais tarde, desempenhou o cargo de professor. Suas obras mais importantes são: “Tratado do Movimento” e “Obras Geométricas”.

Torricelli se mudou para Florença para poder trabalhar mais em contato com Galileu, que faleceu pouco tempo depois. Torricelli se converteu, então, no Matemático do Gran Duque de Toscana, e se dedicou com afã ao estudo dos fenômenos científicos.

Faleceu aos trinta e nove anos de idade, em 25 de outubro de 1647.

O Tubo de Torricelli consiste num tubo de mercúrio de 76 centímetros de altura que se equilibra com a pressão atmosférica. De acordo com seus estudos, o ar faz pressão sobre cada centímetro quadrado com um peso de 1.033 gramas, ou seja, 1,033 g/cm (isso surge do conhecimento do peso de um centímetro cúbico de mercúrio: 13,59 g/cm3, que foi multiplicado por 76 cm de altura do mercúrio no tubo, com o que se obtém que 13,59g/cm3 X 76 cm. = 1.033 g/cm3).

Dessa fórmula surge a unidade para medir pressões, chamada atmosfera: 1 atmosfera = 1.033 gramas.

Francisco Capacete