Bem vindo(a)! Você pode filtrar informações específicas da sede mais próxima de você, através da caixa à direita:

Leonardo e seu restaurador

Nova Acrópole / Artigos / Leonardo e seu restaurador
Categoria:

O eminente restaurador Maurizio Seratini, professor das Universidades de Calábria, Florença e Veneza, apresentou este mês no Museu Nacional de Arte de Catalunha, as últimas investigações da obra “A adoração dos Magos” de Leonardo da Vinci. Especialista nas obras de Leonardo, Botticelli, Rubens, Caravaggio. Este restaurador, que radiografou mais de 10.000 quadros em 30 anos, encontrou fascinantes detalhes atrás das camadas de pintura de sucessivas restaurações, assim como os desenhos originais que Leonardo traçou durante a concepção da obra. No horizonte do quadro é possível vislumbrar um elefante e uma manjedoura de madeira os quais se acreditavam inexistentes. Novos descobrimentos inesperados lançam uma re-interpretação do quadro e além disso, permite ampliar o pouco que segundo ele, sabe-se sobre Leonardo.

O professor aproveitou a sessão para reivindicar o papel do verdadeiro restaurador que no seu modelo ideal, deveria ser uma espécie de médico capaz de incorporar ao seu trabalho todos os meios científicos de outras disciplinas; assim como manter um verdadeiro espírito de respeito à história, ao artista e ao público visitante dos museus.