Bem vindo(a)! Você pode filtrar informações específicas da sede mais próxima de você, através da caixa à direita:

Ciclo Nacional de Palestras Pierre de Coubertin: Superação de Si Mesmo e Convivência

Ciclo Nacional de Palestras Pierre de Coubertin: Superação de Si Mesmo e Convivência

Criciúma

Categoria:

Nesta segunda-feira, 12 de agosto de 2019, a Organização Nova Acrópole de Criciúma realizou uma atividade para jovens entre 12 e 18 anos na Escola Pública Luiz Tramontin – localizada em Forquilhinha -, que consistiu na apresentação da palestra “Superação de Si Mesmo e Convivência: O Sentido Olímpico”, durante o período da manhã, tarde e noite, além de brincadeiras relacionadas com os Valores Olímpicos e a prática do esporte.

 

Pierre de Coubertin – O Pai das Olimpíadas Modernas:

Durante as palestras, os professores de Nova Acrópole contaram a história das olimpíadas antigas e modernas, dando ênfase a vida e obra de Pierre de Coubertin, aquele que fez renascer as Olimpíadas na era atual.

“Pierre de Coubertin foi, sem dúvida, um sonhador, um idealista, enfim, um Atleta com ‘A’ maiúsculo. ‘Atleta’ é ‘aquele que luta’, e ele soube lutar muito bem durante sua vida para concretizar seus sonhos.” – Diz a professora Silvia Verona Zanol, quem ministrou a palestra na parte da manhã.

“Não foram momentos fáceis ou agradáveis apenas! Sua vida esteve sempre repleta de dificuldades, aventuras, provas a serem superadas. E foram justamente estas dificuldades que forjaram seu caráter forte, heroico e sonhador.” – Nos contou o palestrante do período da tarde, professor Guilherme Strapazzon Klann.

Já na palestra que ocorreu à noite, a professora Michele Nunes Mariot disse: “Não importa quanto se lhe dissesse não, ele jamais desistiu e até hoje seu sonho, de 4 em 4 anos, se concretiza e novamente a tocha olímpica é acesa e passada de mão em mão, simbolizando a superação de si mesmo e o respeito mútuo entre os povos.”

 

Por fim, também se falou de como o esporte pode nos ajudar na vida, em dois importantes aspectos:

1) Superação de Si Mesmo:

Apresentando que nos esportes não devemos competir contra os demais, mas sim contra nós mesmos e de que não há vitória sobre o outro; o outro não é nosso inimigo e sim nosso amigo na medida em que nos estimula a conhecermos nosso tamanho, a crescermos e a nos tornarmos melhores a cada dia.

2) Convivência:

Ninguém pode viver sozinho. Ninguém é tão bom que não precise de outras pessoas. Todos precisam viver juntos, e para isso é necessário aprender a Conviver (‘viver com’). E ainda, de que o esporte ajuda muito neste ponto na medida em que ensina a trabalhar em equipe, a ser ético/moral, a liderar e ser liderado.

 

Atividades Práticas:

Como atividades práticas de vivência destes valores foram feitas atividades simples: corrida, telefone sem fio, fechar os olhos e deixar o líder guiar a fila, fazer lista de virtudes e defeitos, etc., para que pudessem compreender sobre como podem viver os valores éticos e filosóficos e os valores olímpicos em suas vidas.

 

Ciclo Nacional de Palestras Pierre de Coubertin: Superação de Si Mesmo e Convivência

 

Tags: Palestra