Bem vindo(a)! Você pode filtrar informações específicas da sede mais próxima de você, através da caixa à direita:

Filosochef: uma iniciativa para nutrir o corpo e a alma

Filosochef: uma iniciativa para nutrir o corpo e a alma

São Paulo - Zona Oeste

Categoria:

Desde sua inauguração em abril de 2020, o Filosochef é um projeto semanal on-line da sede Zona Oeste-SP da Organização Nova Acrópole, idealizado pelos alunos Ricardo Moraes e Alessandra Gobbi a convite da professora Erika Kalvelage, com o objetivo de levar conhecimento, entretenimento e filosofia aos acropolitanos durante o período de afastamento presencial devido à pandemia do coronavírus.

Filosochef: uma iniciativa para nutrir o corpo e a almaO encontro virtual é uma busca por unir o resgate da tradição culinária a valores e ideais filosóficos, contando com a participação dos integrantes da escola em um agradável bate-papo, seguido da preparação dos mais variados e deliciosos pratos eleitos pelo chef Ricardo para coroar cada tema, escolhido juntamente com Alessandra, responsável pelo estudo, pesquisa e elaboração do contexto da conversa. Os assuntos estão sempre relacionados a uma bela virtude, tal como a harmonia, a doçura, a generosidade, o amor, dentre tantas outras.

“O tema filosófico é parte da expressão e conceito de gastronomia que tento disponibilizar, conceito esse que se traduz muito na tentativa de impulsionar o exercício da vontade na expressão culinária, na vontade de cozinhar os próprios alimentos e conhecer ingredientes. Essa é uma proposta ousada em um mundo muito prático, onde muito se compra pronto. Tentamos resgatar semanalmente em nossos discursos, temas e receitas a ideia original de refeição, de companhia à mesa, de compartilhar, de se concentrar a fim de produzir bons alimentos, enfim, de ir além e superar a zona de conforto em que nos colocamos na falta de interesse por um ato bastante primitivo e fundamental: a alimentação”, ressaltou o chef Ricardo.

Filosochef: uma iniciativa para nutrir o corpo e a almaAlessandra, por sua vez, enfatizou a importância das memórias afetivas ligadas ao alimento, o comer no pomar, a vivência familiar em torno da cozinha e da mesa, a integração e reconexão com a natureza, bem como o valor do aprendizado adquirido com a experiência do Filosochef: “A troca é muito importante, é o maior presente. Você se desenvolve quando tem humildade, vontade, dedicação e amor ao que faz. O benefício é para nós mesmos. É uma grande alegria”.

Este mês, os temas vêm retomando as receitas de festejos juninos, resgatando ideias e receitas antigas, bem brasileiras e caipiras. Em breve, haverá a festa junina on-line da sede, na qual todos poderão expressar seus talentos artísticos e culinários em uma modalidade diferente de festa. Certamente será uma celebração muito filosófica, apetitosa e nutritiva para o corpo e a alma.

O Amor e as Sensações:

Filosochef: uma iniciativa para nutrir o corpo e a almaO amor é um sentimento sublime e puro, de natureza superior, é a expressão afetiva consciente, duradoura e autêntica. Força natural, ele leva os humanos à totalidade, realizando, no tamanho de cada um, o mistério universal da unidade na pluralidade. As sensações, por sua vez, se manifestam pelos sentidos e nos trazem a percepção dos fatos e objetos. Devemos nos conhecer para utilizar os sentidos, sem deixar que eles nos dominem, tendo sempre o amor como a mais alta virtude a ser atingida. Para celebrar a fusão do amor com os sentidos, segue uma receita como inspiração. Façam com os sentidos e, sobretudo, com muito amor.

Receita Geleia de Rosas Vermelhas

Ingredientes
– 220 g de pétalas de rosas vermelhas orgânicas
– 500 gr de açúcar cristal
– 600 ml de água
– 2 colheres de chá de água de rosas (Mechalaany)
– Suco de 1 limão siciliano
– 4 Maçãs verdes

Preparo
Higienizar as pétalas de rosas com uma solução de água e vinagre (1 colher de sopa de vinagre para cada litro de água). Cozinhe as maçãs com a água e o açúcar. Ao estarem macias, passe por uma peneira. Volte o purê de maçã à panela e acrescente o suco do limão, a água de rosas e as pétalas. Cozinhe em fogo baixo até desprender da panela. Conservar em potes de vidro herméticos.

Tags: Oficina | Saúde