Bem vindo(a)! Você pode filtrar informações específicas da sede mais próxima de você, através da caixa à direita:

Deus! – Casimiro de Abreu

Nova Acrópole / Poemas e Contos / Deus! – Casimiro de Abreu
Categoria:
Deus! – Casimiro de Abreu

Eu me lembro! Eu me lembro! – Era pequeno
E brincava na praia; o mar bramia
E erguendo o dorso altivo, sacudia
A branca escuma para o céu sereno

E eu disse a minha mãe nesse momento:
“Que dura orquestra! Que furor insano!
“Que pode haver maior que o oceano,
“Ou que seja mais forte do que o vento?!”

Minha mãe a sorrir olhou pr’os céus
E respondeu: – Um Ser que nós não vemos
“É maior do que o mar que nós tememos,
“Mais forte que o tufão! Meu filho, é – Deus!”

 

Deus! - Casimiro de Abreu



Nota biográfica

Casimiro de Abreu (1839-1860) foi um poeta brasileiro, autor da obra Meus Oito Anos, um dos poemas mais populares da literatura brasileira. Se destacou na Segunda Geração do Romantismo. Em 1853 foi para Lisboa. É nesse período que escreve a maior parte dos poemas de seu único livro Primaveras. É patrono da cadeira nº 6 da Academia Brasileira de Letras.





Se alguma das imagens usadas neste artigo violar direitos autorais, favor entrar em contato conosco.