Fórum de saúde acontece em Uberaba

Por Minas Gerais - Uberaba

A Nova Acrópole Uberaba realizou no dia 27 de agosto (sábado) mais um Fórum de Saúde, evento gratuito que apresentou duas palestras: “Jung e a alquimia interior” e “A doença como linguagem da alma”.

Jung e a alquimia interior

Na primeira palestra, a professora Jéssica Arantes falou sobre a alquimia, antiga filosofia que remonta à Idade Média como busca do processo de transformação interior. Tudo isso enriquecido por estudos de Carl Jung, psicólogo suíço fundador da psicologia analítica.

A professora explicou que os alquimistas não buscavam literalmente transformar chumbo em ouro – já que possuíam uma linguagem mais simbólica do que direta – mas que esta era uma simbologia para a transformação do “ser humano de chumbo” no “ser humano de ouro”, promovendo o desenvolvimento e a transformação humana. Um árduo processo transformador, cheio de experiências e ensinamentos.

A doença como linguagem da alma

Na sequência, houve a palestra “A doença como linguagem da alma”, ministrada pelo professor Bernardo Norat. Logo no início, Norat apresentou a ideia de que, diferentemente do que comumente pensamos, a doença não é boa nem má, é sim um caminho que pode ser percorrido a partir das escolhas do ser humano acometido por ela.

Cada carência e cada sintoma significam elementos que faltam para a perfeição humana, transformando-se em oportunidades de desenvolvimento. Todavia, essa oportunidade não se encontra na interpretação de sintomas alheios, e sim na interpretação dos próprios sintomas.

Todos temos sintomas e, com isso, a oportunidade de crescer a partir deles. A questão é: “queremos continuar tentando o que tem fracassado sempre, ou seja, eliminar os sintomas apenas, ou queremos fazer o esforço de reconhecê-los como indicadores de um caminho e segui-los?”, declarou o palestrante.

“Sintomas são manifestações de ‘sombras’ muito acessíveis, devido ao fato de terem emergido de dentro de nós para o mundo exterior. Tornando-se assim excepcionais indicadores do caminho da perfeição”, elucidou em outro momento da palestra.

As ações promovidas pela Organização Internacional Nova Acrópole estão alinhadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), propostos pela Organização das Nações Unidas (ONU). O Fórum de Saúde contribui com ODS#3 que trata da Saúde e bem-estar por promover a educação na área da saúde e com ODS #10 que trata da Redução das desigualdades, por ser um evento filosófico cultural gratuito e aberto ao público em geral.