Bem vindo(a)! Você pode filtrar informações específicas da sede mais próxima de você, através da caixa à direita:

Categoria: <span>Poemas e Contos</span>

Nova Acrópole / Poemas e Contos
Recado aos amigos distantes – Cecília Meireles
Post

Recado aos amigos distantes – Cecília Meireles

Meus companheiros amados, não vos espero nem chamo: porque vou para outros lados. Mas é certo que vos amo. Nem sempre os que estão mais perto fazem melhor companhia. Mesmo com sol encoberto, todos sabem quando é dia. Pelo vosso campo imenso, vou cortando meus atalhos. Por vosso amor é que penso e me dou...

Os Reis de Meliorn
Post

Os Reis de Meliorn

Há muito tempo atrás existiu uma cidade muito próspera chamada Meliorn. Esta cidade foi governada por um grande rei que enfrentou muitas batalhas e esforçou-se para manter a paz por vários anos. Este rei se chamava Zyron. Além destas conquistas, o rei era muito inteligente e o povo tinha muita confiança em suas palavras e...

A boa fé – Amado Nervo
Post

A boa fé – Amado Nervo

Não te resignes antes de perder definitiva e irrevogavelmente a batalha em que lutas. Luta erguido e sem contar as hostes inimigas. Embora te restem só resquícios de esperança, não te rendas! A sorte gosta de acumular os impossíveis para os vencer em conjunto, sempre, com o fatal e misterioso golpe de sua clava de...

A um poeta – Machado de Assis
Post

A um poeta – Machado de Assis

O Sr. P. de Sales Guimarães e Cunha Non é perduta Ogni speranza ancor METASTÁSIO   Poeta, beija a poeira Destes ásperos caminhos E cinge alegre os espinhos, Heranças que o gênio tem. O alaúde é dom funesto. Quando uma fronte é fadada Pela pálpebra inspirada Debruçar-se ao pranto vem! E o pobre gênio passando...

Mar Português – Fernando Pessoa
Post

Mar Português – Fernando Pessoa

Ó mar salgado, quanto do teu sal São lágrimas de Portugal! Por te cruzarmos, quantas mães choraram, Quantos filhos em vão rezaram! Quantas noivas ficaram por casar Para que fosses nosso, ó mar! Valeu a pena? Tudo vale a pena Se a alma não é pequena. Quem quer passar além do Bojador Tem que passar...

Meu Destino – Cora Coralina
Post

Meu Destino – Cora Coralina

Nas palmas de tuas mãos leio as linhas da minha vida. Linhas cruzadas, sinuosas, interferindo no teu destino. Não te procurei, não me procurastes – íamos sozinhos por estradas diferentes. Indiferentes, cruzamos Passavas com o fardo da vida… Corri ao teu encontro. Sorri. Falamos. Esse dia foi marcado com a pedra branca da cabeça de...

Diva e Romet
Post

Diva e Romet

Dona Diva esperava ansiosa a visita de seu neto Romet. Assim que ouviu o táxi na porta, abriu a porta com um sorriso e abraçou fortemente o rapaz, pedindo-lhe as novidades, e eles se sentaram à mesa para colocar a conversa em dia; a avó perguntava e o neto respondia. Após o almoço, eles sentaram-se...

Ser poeta – Florbela Espanca
Post

Ser poeta – Florbela Espanca

Ser poeta é ser mais alto, é ser maior Do que os homens! Morder como quem beija! É ser mendigo e dar como quem seja Rei do Reino de Aquém e de Além Dor! É ter de mil desejos o esplendor E não saber sequer que se deseja! É ter cá dentro um astro que...

Um Diabo de Óculos
Post

Um Diabo de Óculos

  E então o Diabo pensou: — É chegada a hora! Desde o retumbante fracasso de seu último empreendimento, a tentativa de fundar uma igreja das trevas, capaz de arrebanhar não apenas os “restos” divinos, mas que organizasse em seu entorno uma liturgia própria, baseada na exaltação dos pecados mais atrozes com o objetivo de...

Os Poemas – Mário Quintana
Post

Os Poemas – Mário Quintana

Os poemas são pássaros que chegam não se sabe de onde e pousam no livro que lês. Quando fechas o livro, eles alçam voo como de um alçapão. Eles não têm pouso nem porto alimentam-se um instante em cada par de mãos e partem. E olhas, então, essas tuas mãos vazias, no maravilhado espanto de...